Para o fechar o dia, uma dose generosa de DELICADEZA e VERDADE! ♥

"Mas eu estava errada, mãe. Hoje eu entendo o que é crescer em uma sociedade que diz para as mulheres que a beleza delas é o que mais importa, e, ao mesmo tempo, define padrões estéticos absoluta e eternamente fora de alcance. Eu também entendo a dor que é internalizar essas mensagens. Nós acabamos nos tornando nossos próprios carcereiros e nos impomos punições sempre que não conseguimos chegar lá. Ninguém é mais cruel conosco do que nós mesmas."

Também cresci me achando errada. Não, minha mãe não era preocupada com sua aparência ou peso. Sempre foi tranquila quanto a isso. Mas, em algum canto da minha existência eu me permiti contaminar pela noção de que ser gorda era sacrilégio e me excluía da sociedade. E, o mais louco desta história é que, revisitando fotos do passado, me descobri com peso normal, nem magra, nem acima do que é saudável - para mim. 

No entanto, na idade adulta, engordei de verdade. Passei por momentos de não aceitação, de exclusão - de minha própria parte. Embora, não me lembre de nunca ter deixado de aproveitar um banho de mar porque as dobrinhas que apareciam sob o biquíni eram muitas.

Mas, a vida tem suas benesses. Após os trinta anos, passei a sentir-me mais plena e menos escrava da aparência. Vaidosa sem exageros. Claro que algumas cicatrizes ficaram, nem tudo é espontâneo e ainda não sou livre como desejo. Hoje, vejo que no vestiário da academia meninas indo trocar-se no banheiro, por pudor (que seja) ou vergonha do corpo. Disto eu me libertei. Quero perder os excessos, mas me esconder do mundo, por conta deles, jamais.

O texto compartilhado  - leia ele todo AQUI - no blog Cinese me emocionou. Bastante. Foram alguns anos até chegar onde me encontro agora, de bem com meu corpo. Eu chorei. Pelo que não vivi. Pelas dores que abracei. Pelos olhares que já recebi. Pela prisão em que vivi durante um bom tempo.

Leia o texto na íntegra. É lindo. De verdade. E veja o vídeo sobre o Projeto Beleza Real, da Nega Hamburguer. Também verdadeiramente lindo! 

Nega Hamburguer



Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Meu aprendimento

Para Bertoli...